Quarta, 12 de Junho de 2024
°

Saúde SAÚDE

Pronto-Socorro da Augusto Montenegro treina equipe assistencial com foco na segurança do paciente

Atender a populaçâo com excelência é a principal meta do hospital

03/06/2024 às 10h27
Por: REDAÇÃO 2 Fonte: Agência Pará
Compartilhe:
Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

A segurança do paciente é um dos temas mais discutidos, quando o assunto é qualidade da assistência à saúde. É também um dos mais trabalhados em treinamentos de equipes assistenciais em unidades hospitalares, como forma de viabilizar a qualidade dos serviços ofertados, considerando as preconizações do Ministério da Saúde (MS)

No Novo Pronto-Socorro Dr. Roberto Macedo, localizado na avenida Augusto Montenegro, em Belém (PA), desde a sua abertura, as equipes assistenciais estão trabalhando com foco na segurança do paciente, visando a construção e consolidação da Cultura de Segurança na unidade hospitalar.

Durante a semana, um treinamento das equipes envolvidas no atendimento aos pacientes vem sendo feito, desde a sua entrada na unidade hospitalar, principalmente, a equipe de enfermagem, até os setores onde atuam reforçando e atualizando os seus conhecimentos a respeito do tema: “Transporte Seguro Intra - Extra Hospitalar com ênfase na prevenção do risco de quedas”, abordando a 6ª Meta de Internacional de Segurança do Paciente, que trata sobre a redução do risco de danos ao paciente, decorrente de quedas.

De acordo com a coordenadora de Enfermagem do hospital, Ane Francy Araújo, o objetivo da ação é capacitar toda a equipe, quanto ao transporte do paciente, tanto hospitalar quanto extra-hospitalar, com ênfase no protocolo do Ministério da Saúde, por meio das Metas Internacionacionais de Segurança do paciente, que tratam da prevenção do risco de quedas.

Para a técnica de Enfermagem, Flávia Puga, os treinamentos abordando a segurança do paciente estão diretamente relacionados à qualidade da assistência à saúde.

"Muito importante para nós este treinamento, e todos os demais que abordam as Metas Internacionacionais de Segurança do Paciente, pois toda a equipe precisa estar orientada, atualizada e capacitada para a atuação. Reforçar o que sabemos com todos os profissionais que atuam no dia a dia da assistência à saúde é muito necessário,  visto que, a segurança do paciente é fundamental, e com relação à qualidade  do atendimento, um complementa o outro: não há assistência de qualidade, sem segurança do paciente", afirma a profissional. 

De acordo com a diretor Assistencial do PS, Aristônico Rodrigues, o objetivo dos treinamentos, que irão acontecer continuamente, sobre cada uma das metas, é promover melhorias específicas na segurança dos pacientes do Pronto-Socorro Dr.Roberto Macedo, por meio de estratégias que abordam aspectos das rotinas diárias na assistência à saúde, apresentando soluções baseadas em evidências.

"Desde o início do funcionamento do Pronto-Socorro estamos treinando as nossas equipes, e com esse treinamento, que está voltado à segurança do paciente, nosso intuito é reforçar a nossa própria meta institucional, que é a oferta de assistência à saúde e serviços seguros aos nossos pacientes. Isso só é possível com equipes treinadas e conscientes do compromisso de cada um, para a entrega de uma assistência de qualidade, que passa pela segurança dos nossos pacientes. Para isso, 100% da nossa equipe assistencial, que neste momento estão sendo contemplados os enfermeiros, técnicos de enfermagem, incluindo também os profissionais que tem grande importância na admissão do paciente, como os maqueiros- serão treinados, terão os conhecimentos atualizados e serão orientados sobre a importância da participação de cada um, para que o atendimento seja seguro, no que se refere à redução dos riscos de queda do paciente, conforme preconiza a Meta 6 de Segurança do Paciente."

A responsável pelo Núcleo de Educação Permante (NEP), enfermeira Gilvana Moraes, pontuou sobre a ação, destacando a importância de as equipes serem constantemente treinadas para que o atendimento tenha a qualidade necessária. 

"Como Núcleo de Educação Permante devemos manter as equipes 100% treinadas, capacitadas e atualizadas para lidar com diversas situações. O treinamento que está sendo realizado nesses 2 dias é voltado para o risco de queda, um assunto tratado pela sexta meta internacional de Segurança do Paciente. No âmbito hospitalar,  adotamos medidas, para que o paciente não venha a cair na unidade, e o seu transporte quando chega no hospital ou  internamente, entre os setores, é completamente importante e tem que ser seguro e eficaz, para não agravar o quadro clínico dele, estando ele estável ou crítico", enfatiza a enfermeira. 

Conforme a profissional, é necessário que hajam dispositivos seguros, para evitar lesões, fraturas; então são cuidados que precisam ser redobrados durante o transporte do paciente, que conforme disse, é uma extensão do cuidado. Ela reforça que, "se a equipe se desloca com o paciente dentro do hospital, a sua integridade física precisa ser preservada; por isso é uma grande responsabilidade que cada profissional tem. Os treinamentos que visam a segurança agegram qualidade da assistência e no servidores de saúde como um todo."

Texto: Joelza Silva

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias